Posts com a tag "super herois"


Laboratório do FIQ

Hoje fechamos o anúncio das exposições com chave de ouro! A “Ciência dos super-heróis”, por meio de pesquisas, repensa alguns heróis icônicos à luz de conceitos científicos atuais. E, para colocar essa ideia no festival, o FIQ 2015 reuniu uma super equipe de desenhistas, coloristas e cientistas que, juntos, reinterpretaram e criaram novas versões dos personagens.

Ou seja: “Flash”, “Homem Aranha”, “Homem de Ferro”, “Hulk”, e “Mulher invisível”, de um jeito que você não imaginou! O evento, de 11 a 15 de novembro, é realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Fundação Municipal de Cultura e é gratuito. De 9h às 22h, na Serraria Souza Pinto, em BH - MG.

O time da ciência é formado pelo pessoal do portal ScienceBlogs Brasil e do podcast Dragões de garagem. Cristiano Silvério Neiva, Gabriel Cunha, Luciano Lopes Queiroz, Luiz Bento, Patrick Simões Dias e Vitor Nascimento foram essenciais para a realização da exposição! Os desenhistas são Cris Bolson, Eduardo Pansica, Júlio Ferreira, Márcio Fiorito e Rodney Buchemi. As cores (“Flash” e “Mulher invisível”) são de Giovanna Guimarães. Além das novas versões, você verá a imagem clássica de cada personagem e informações sobre os conceitos e ideias que os nortearam. Ah! O Lucas Ed., nosso convidado, organizou e editou os textos da exposição.

A ciência sempre esteve presente no mundo dos quadrinhos e da ficção. Quando a Apolo 11 decolou rumo a lua, “Tintin”, o “Quarteto Fantástico” e tantos outros personagens e heróis já faziam suas viagens espaciais há um bom tempo. A linguagem científica sempre foi usada como um artifício de roteiristas e desenhistas para dar credibilidade e conferir realismo às suas histórias.

Nos anos 1950, em plena era nuclear, a radiação e a energia atômica serviam aos mais diversos fins nos quadrinhos. Desde fonte de poder aos heróis, como também transformar mulheres e homens pacatos, ou animais inocentes, em terríveis vilões. Não é à toa que você confere essa exposição inédita no FIQ. E que novembro chegue logo!

Página 1 de 1