Posts com a tag "fiqbh"


 Não perdam Bruno Azevedo no FIQ 2015!

De São Luís pra BH, Bruno Azevêdo, autor de “O Baratão 66” e “Isabel Comics”, é presença certa no FIQ 2015. O evento, que está em sua 9ª edição, é realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Fundação Municipal de Cultura e é gratuito. Então, anota aí: nosso encontro acontece de 11 a 15 de novembro, na Serraria Souza Pinto - BH.

Bruno Azevêdo é escritor, editor e tradutor. Começou a trabalhar com quadrinhos em zines nos anos 90. Em 2009, fundou a Pitomba livros e discos, editora pela qual vem publicando seus livros e de outros. Seus trabalhos, tanto como escritor quanto pesquisador, geralmente orbitam o universo da arte "marginalizada", utilizando linguagens diversas.



A lista de publicações é grande: “A Bailarina no espelho” (2008, audioficção com Cesar Boaes); “Breganejo Blues” (novela, 2009, um misto de gibi de bang-bang, história de corno e romance vagabundo); “O Monstro Souza” (2010, romance construído com roubos e colagens sobre um cachorro quente assassino e serial killer, escrito com Gabriel Girnos); “Isabel Comics” (2011, fotonovela, com Karla Freire); “A Intrusa” (2013, romance melassunga folhetinesco, coedição com a Revista Beleléu); “Baratão 66” (2013, gibi desenhado por Lucinano Irrthum, sobre uma casa de depilação que à noite vira local de randevu, coedição com a Revista Beleléu); E “Em ritmo de seresta” (2014, pesquisa antropológica sobre as choperias de brega no Maranhão).



Também publicou HQs curtas nas revistas “Graffiti 76% quadrinhos”, “Tarja Preta”, “Café espacial”, “Acrobata”, “Pitomba” - entre outras. Bruno vai aproveitar o FIQ 2015 para lançar os livros "corno, assassino, prisioneiro e viado" (prequel de Breganejo Blues).


Bruno faz o tipo chique, com entrevista para Jô Soares e tudo mais.





Sidney Gusman é convidado do FIQ 2015 e promete anúncio de novas Graphics MSP!

Considerado um dos maiores especialistas em história em quadrinhos do Brasil, nosso convidado é o responsável por esse tanto de Graphics MSP que vem invadindo nossas leituras. Sidney Gusman chega com tudo para nossa super lista! E tem mais: ele promete fazer novos anúncios durante o FIQ 2015! Esse encontro acontece de 11 a 15 de novembro, na Serraria Souza Pinto - BH.

O festival é realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Fundação Municipal de Cultura e é gratuito.



Gusman aproveitou a Fest Comix, no último fim de semana, para anunciar que tem novidade por aí. Em novembro, no 9º Festival Internacional de Quadrinhos, o editor vai revelar outras três novas HQs do projeto Graphic MSP! Já estamos ansiosos para saber quais são, hein?!


Sidney Gusman, 48 anos, é jornalista e escreve sobre quadrinhos desde 1990, em jornais, revistas e sites. De 2000 a 2006, recebeu o Troféu HQ Mix de melhor jornalista especializado em quadrinhos do Brasil.


Foi editor executivo da Conrad Editora de 2001 a 2003, sendo responsável por obras cultuadas, como “Sandman” e “Zap Comix”, e mangás como “Dragon Ball”, “Cavaleiros do Zodíaco” e “One Piece”. De 2003 a 2006, foi editor da revista “Wizard”, da Panini, e lançou os livros “100 Respostas sobre Super-Heróis”, “100 Respostas sobre Hanna-Barbera”, “100 Respostas sobre Batman” e “Grandes Sagas DC”, todos pela Editora Abril.



Em 2006, lançou o livro “Mauricio – Quadrinho a Quadrinho”, pela Editora Globo, que conta a história da paixão do criador da Turma da Mônica pelos gibis.


Atualmente, Sidney Gusman é responsável pelo planejamento editorial da Mauricio de Sousa Produções, onde deu vida a projetos como “MSP 50”, “MSP + 50”, “MSP Novos 50”, “Ouro da Casa”, “Graphic MSP”, “Mônica(s)” e outros. Além disso, é editor-chefe do Universo HQ, que venceu dez vezes o Troféu HQ Mix (de 2000 a 2007 e 2009 e 2010) em sua categoria.

Página 2 de 2